RCC Tocantins
11/06/2012 - 09h11m

Missa abre Congresso Diocesano

Ana Mariana Araújo 

Presidida pelo bispo da Diocese de Porto Nacional, Dom Romualdo Kujawski, a Missa de abertura do Congresso Diocesano de Porto Nacional lembrou aos participantes que nossa principal tarefa, enquanto Renovação Carismática Católica é testemunhar Jesus Cristo.

Ao citar o Concílio Vaticano II, o bispo recordou que os leigos formam um “povo sacerdotal”, pois têm corresponsabilidades na Igreja. “Cristo salvou a humanidade de uma vez só. Você pode também, através do batismo, se sentir parte dessa herança dos fiéis que colocam Jesus Cristo como referência da vida moral”, afirmou.

O bispo também enfatizou o cuidado de Deus sobre nossas vidas, o amor gratuito que foi derramado por todos nós. “Se alguém se deixa envolver por esse amor, é liberto. O amor de Deus nos liberta e nos dá felicidade e esse amor é único.”

Como passos para a vivência de nossa identidade cristã, Dom Romualdo citou a oração diária, principalmente com a meditação da Palavra de Deus. Além das obras. “A fé sem obras é morta. Precisamos ter fé em Deus e demonstrar isso através dos gestos de caridade, das obras”.

LINK CURTO: https://rccto.org.br/r/py

© 2012-2018. RCC-TO - Todos os direitos reservados.