RCC Tocantins
04/09/2007 - 13h40m

Israel e Santa Sé procuram acordo sobre propriedades

 
A Santa Sé e Israel estão determinados a alcançar um acordo para a restituição à Custódia Franciscana de lugares sagrados simbólicos para o catolicismo, como o Cenáculo e a igreja de Cesareia. A comissão mista, encarregada de resolver as últimas questões pendentes - fiscais e jurídicas - reúne-se hoje, em Jerusalém.

Na próxima Quinta-feira, o presidente israelita Shimon Peres estará em Roma e fará uma passagem por Castel Gandolfo, para uma audiência com o Papa. Na sua primeira missão internacional como chefe de Estado, Peres pode trazer novidades para o desenvolvimento das relações bilaterais entre Israel e Santa Sé.
As duas partes ainda não definiram os termos definitivos do acordo bilateral que negociam há quase 15 anos, nomeadamente no que diz respeito ao estatuto jurídico e fiscal das propriedades eclesiásticas.

Outra dificuldade atual prende-se com a construção do muro de segurança na Cisjordânia, que tem passado no meio de várias propriedades eclesiais. O Pe. Giovanni Laconi, da inspectoria salesiana do Médio Oriente escreve que "acomunidade salesiana se opõe firmemente à política de separação israelita, reitera o seu total desconhecimento quanto à planificação do traçado do muro e, ao mesmo tempo, dirige um apelo a todas as autoridades competentes, a fim de que seja retomada a legalidade internacional".

Fonte: Agência Ecclesia

LINK CURTO: https://rccto.org.br/r/7B

© 2012-2021. RCC-TO - Todos os direitos reservados.