RCC Tocantins
26/11/2011 - 07h55m

Beatriz Vargas partilha moções proféticas

 
Hugo Goulart

Continuando a programação da manhã do XII Congresso da RCC/TO, a Secretária-Geral do Conselho Nacional da RCC Brasil, Beatriz Vargas, apresentou as Moções Proféticas que tem guiado a RCC do Brasil. Segundo ela, o Conselho Nacional ao rever as palavras e profecias que o Senhor tem dado ao movimento, discerniu, à luz do Espírito, que as mesmas podem ser agrupadas em quatro princípios.

O primeiro deles é a nossa identidade. “Deus é amor e nós somos fruto de um grande derramamento do amor de Deus. Somos santificados no movimento de amor do Espírito”, pontuou.

O segundo princípio é o bem como fruto do amor, a bondade. A conselheira citou a vida de Madre Teresa de Calcutá como exemplo e reafirmou a força do amor como bem supremo que vem de Deus e atinge as nossas vidas. “Nós já nascemos capacitados para amar”.

A verdade é o terceiro princípio e Beatriz citou o Capítulo 8 do Evangelho de João para embasar sua reflexão: “E eu rogarei ao Pai, e ele vos dará outro Paráclito, para que fique eternamente convosco. É o Espírito da Verdade, que o mundo não pode receber, porque não o vê nem o conhece, mas vós o conhecereis, porque permanecerá convosco e estará em vós”. A palavra de Deus é o norte para guiar-nos para a Verdade.

Por último, a justiça. Segundo Beatriz, aqui se fala no princípio da justiça como disposição firme e constante de dar a Deus e aos outros, o que lhes pertence.

SONHOS

Outra palavra que a Secretária-Geral partilhou foi o capítulo 7 do Evangelho de João. Beatriz relatou que ao dar essa palavra ao Conselho Nacional, o Senhor recordava que Ele se alegra em realizar os sonhos do coração dos seus filhos.

E terminou com a seguinte exortação: “Não acredite quando as pessoas começarem a profetizar derrotas sobre a sua vida. Quando Deus decide dar bênçãos e vitórias sobre a vida dos seus filhos, tudo pode mudar. E Deus não esquece os nossos sonhos”.

Por Equipe de Comunicação do XII Congresso Estadual da RCC/TO

LINK CURTO: https://rccto.org.br/r/hj

© 2012-2018. RCC-TO - Todos os direitos reservados.