RCC Tocantins
21/03/2012 - 00h00m

É tempo de apascentar o rebanho do Senhor!

 

“Apascenta as minhas ovelhas” (João 21,17)

Amados irmãos e amadas irmãs em Cristo,

Neste ano de 2012 somos impulsionados pelo Espírito Santo a apascentar as ovelhas. Ovelhas estas que o Senhor coloca em nossos caminhos. E ao apascentar as ovelhas, cuidando delas, amando-as, estamos fazendo a vontade de Deus.

Apascentar é cuidar, zelar e devemos fazer o impossível para cuidar do rebanho que o Senhor nos deu com dedicação e humildade. Devemos sempre levar nossas ovelhas às pastagens verdes. Às vezes fico a imaginar o quanto um pastor cuida bem do seu rebanho, sempre procurando pastos bons para colocá-los. Veja só: se o pastor de ovelhas tem o cuidado com o seu rebanho evitando que sofram ou sejam ceifadas pelo inimigo, pelo lobo ou outro predador, muito mais nós temos que cuidar do nosso rebanho, cuidar dos irmãos que Deus nos deu para pastorear. E assim devemos proporcionar verdes pastagens, águas puras, e seguirmos o exemplo de Jesus como está em Jo 11,14-15 “Eu sou o bom pastor. Conheço as minhas ovelhas e as minhas ovelhas conhecem a mim, como meu Pai me conhece e eu conheço o Pai. Dou a minha vida pelas minhas ovelhas.”

É bom lembrar também que antes mesmo que apascentemos, somos apascentados pelo grande, o soberano Pastor que é DEUS. Deus tem cuidado de nós nos mínimos detalhes. Mesmo quando não percebemos, mesmo quando reclamamos ou murmuramos, Ele está sempre por perto nos oferecendo o melhor. Irmãos(ãs) cuidemos fielmente de nosso rebanho, de nossas famílias, amigos, daqueles que o Senhor nos confiou.

Quando o Senhor pergunta a Pedro: “Tu me amas?”, logo em seguida Jesus diz: “Se me amas, apascenta as minhas ovelhas.” Convido você a se perguntar: amo o meu Senhor? Estou disposto a morrer por Ele? Que amor tenho demonstrado pelo Senhor? Vejam irmãos (ãs), o rebanho não é nosso, não pertence a mim, mas ao Senhor. Será que realmente estou cuidando do rebanho do Senhor? Questione-se sobre isso. Cada um de nós é chamado a ser pastor, seja na coordenação de um grupo de oração, de ministérios, de diocese, não importa. Sempre sou pastor de alguém, tem sempre alguém me olhando e é por isso que preciso dar o melhor de mim para Deus, na pessoa do irmão (ã).

Devemos cuidar do nosso povo sem fazer acepção de pessoas. Devo dar testemunho em vida e busquemos isso na oração. Pois se orarmos, a graça de Deus estará sempre presente. Sem vida íntima de oração e sem testemunho de vida, não conseguirei apascentar as ovelhas que o Senhor me confiou. Não temos capacidade para guiar nossos passos sem a presença de Deus. Convido você a voltar a ter oração pessoal, pois precisamos apascentar as ovelhas, precisamos de força, de unção e sabedoria e tudo isso encontramos por meio da oração.

Que Nossa Senhora nos ajude a encontrar forças e meios para estarmos aos pés do seu Filho Jesus e que o Espírito Santo nos capacite cada vez mais. Encontramos-nos sempre na Eucaristia,

Abraços a todos!

Fraternalmente, sua irmã em Cristo

Maria Nilva Ribeiro da Silva

Presidente RCC Tocantins

LINK CURTO: https://rccto.org.br/r/ov

© 2012-2020. RCC-TO - Todos os direitos reservados.